Resenha: A Noiva Devota - Mari Scotti


Título: A Noiva Devota - Família Hallinson #2
Autora: Mari Scotti
Editora: Independente
Gênero: Romance de Época
Páginas: 248
Ano: 2016
Nascer um Hallinson jamais foi tão promissor como em sua geração, no entanto, carregar esse sobrenome era ao mesmo tempo uma dádiva e uma maldição para os herdeiros do amor lendário de Mical e Octávio. Tudo porque Madascocia tornou-se a cidade do casal que venceu uma maldição. Muitos curiosos passaram a visitá-la em busca de felicidade, amor eterno, casamentos duradouros e a solução para seus dilemas. Além das inúmeras superstições como passar pela sombra de um Hallinson; lançar cartas ao rio Llyin que corta a Mansão de Bousquet; as donzelas e matriarcas almejavam matrimônio com um dos jovens herdeiros.Tentando adiar ao máximo esse desfecho, Samuel prolongou os estudos, mas, a saudade de uma donzela o faz retornar para casa antes do previsto. É em um baile que todos os seus planos de a cortejar ruem. Flagrado em uma situação comprometedora, vê-se obrigado a se casar.
Ela sempre soube como se esconder da sociedade, como passar desapercebida entre as pessoas e não chamar atenção. Não que fosse complicado, ela era a mais nova das filhas, a menos formosa de sua casa. A que nasceu com uma ofensiva deficiência. Por acreditar que jamais seria notada, Rosalina guardou um grande segredo: seu amor por Samuel Hallinson. O que ela não esperava era cruzar o caminho do rapaz em um dos momentos mais constrangedores de sua vida e mudar seus destinos bruscamente.

Olá leitores! Peguem seus leques, corrijam suas posturas, sentem-se com elegância que hoje vamos conhecer a história de A Noiva Devota, de Mari Scotti.

Em A Montanha da Lua, resenha aqui , acompanhamos a história de amor de Mical e Octávio, venceram a maldição e construíram uma família grande e feliz. Em A Noiva Devota, vamos conhecer Samuel Hallinson, o caçula da família e Rosalina Acker, a caçula da família Acker.

A história de amor entre Mical e Octávio tornou-se lendária. Como não sonhar com um amor que venceu a barreira de uma maldição? E isso atraia muitas pessoas que queriam um amor como aquele e passar em frente a mansão ou fazer juras de amor próximo ao rio que cortava a propriedade da família. 

"Eu era filho da lenda. E precisava superar expectativas além da minha própria capacidade. Estava destinado ao amor. E o que menos queria era encontrá-lo" 
Com todas essas superstições, era normal que muitas donzelas desejassem os rapazes Halinson, principalmente o mais velho, Gregório, que seria o herdeiro do ducado, as moças em idade de casar sonhavam com um pedido realizado por ele. Mas, tanto Gregório quanto Samuel, não almejavam casamento. Para não correr o risco, Samuel emendou duas graduações seguidas, mas a saudade que sentia de uma bela donzela, o fez voltar para casa.

Enquanto isso, Rosalina Acker é moça bem educada, sabe se portar, uma verdadeira dama da sociedade. Mas, ela sempre fica na sombra da sua irmã mais velha, a bela Isabel. Todas as propostas para ser cortejada são para ela, sempre é o centro das atenções. Quem iria se interessar pela irmã caçula com andar estranho? Assim como todas as moças de sua idade, Rosalina tem sua paixão de infância e ela se chama Samuel.

"Sonho com Samuel Hallinson desde que o vi comprando botas com o irmão mais velho há mais de dez anos e penso nele quando penso em um marido e em um matrimônio feliz."
Mas a vida é uma caixinha de surpresa e o destino adora pregar peças nas pessoas. Samuel e Rosalina são colocados em uma situação super constrangedora, principalmente para ela. Essa situação irá mudar completamente o rumo de suas vidas. Onde lágrimas serão derramadas, mas alguns sorrisos também serão distribuídos.

A Noiva Devota é um livro apaixonante e que cativa o leitor desde o primeiro capítulo. Reler sobre Mical e Octávio, mesmo não sendo os protagonistas, é ótimo. É legal reencontrar os personagens em outro período de tempo, mais maduros, saber como suas vidas se desenvolveram. E melhor ainda, continuam tão apaixonados quanto no primeiro livro.

"Ergui os olhos sentindo cada partícula do meu corpo tremer e derreter sob a voz aveludada e o olhar quente que ele dirigia a mim."
Samuel é encantador, um pouco imaturo algumas vezes, mas isso muda ao longo da história. Como todo Hallinson, tem um charme impressionante, capaz de fazer qualquer  donzela perder a compostura. Rosalina, que criatura adorável! Mesmo fazendo o possível para não chamar atenção, já que se acostumou em ser sempre a segunda, é uma pessoa que ilumina o ambiente em que se encontra com sua delicadeza e gentiliza. Além disso, tem um personalidade bem forte, é determinada e mesmo quando acontece a situação constrangedora, ela não baixa a cabeça e mostra seu valor.

A escrita de Mari Scotti é ótima, delicada e envolvente. Desde a primeira página ela conquista o leitor e envolve em sua história. Criou personagens fortes e inesquecíveis, que deixam saudade quando a leitura acaba. Li em E-book, a diagramação para este formato está bem feita e a leitura ocorre de maneira dinâmica.

Se você gosta de romance de época, com personagens bem construídos e com um enredo envolvente, você vai amar A Noiva Devota.

Até a próxima!

27 comentários:

  1. Olá! Adoro séries que acompanham trajetórias de família ao longo das gerações. A gente acaba se sentindo parte da história deles. Saber que estes livros oferecem esta experiência é um enorme ponto a favor. Obrigada pela indicação! Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Amei (como sempre) sua resenha, Suzana! Obrigada por compartilhar com a gente a sua experiência com a leitura! Amo demais o Samuel e a Rosa, mas em especial Mical e Octávio, e sempre me alegra quando vocês comentam que foi legal revê-los na trama, mais velhos e maduros <3.
    Espero que goste do Gregório também hahaha. Mais um charmoso Hallinson vem por ai.
    Beijo, Mari Scotti

    ResponderExcluir
  3. A capa do livro é linda. Já li resenhas sobre o primeiro livro de época da autora, mas não tive a oportunidade de ler nada dela ainda. Espero poder fazê-lo em breve, pois amo muito romances de época.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  4. Olá Suzana,
    Já tive o prazer de ler essa obra e adorei a leitura, além de ter sido bom ter reencontrado esse casal maravilhoso, foi maravilhoso ter visto o amor entre o Samuel (apaixonante ao extremo!) e a Rosalina. Acho que preciso concordar com você que Samuel é um pouco imaturo as vezes, mas o charme dele é maravilho e, o melhor, é termos um personagem tão apaixonante também.
    Beijos ♥

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Que capa linda, gostei desse negócio de superstição a respeito da tal maldição, legal ver um traço cultural começando entre um povo, mas esse estilo romance de época não me agrada tanto.

    ResponderExcluir
  6. Oiii tudo bem?
    Por mais que não seja muito chegada em livros de romances de época, fico feliz de encontrar essa indicação, ainda mais sendo um conto da Mari, dica super anotada.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bem?
    Adorei a sua resenha, quero muito ler alguma obra da autora, a premissa desse livro é bem instigante.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  8. Olá, Suzana.
    Eu adoro romances de época e A Noiva Devota está na minha lista de leituras.
    Além da capa ser linda, o romance parece prender muito o leitor, estou ansiosa para realizar a leitura!

    ResponderExcluir
  9. Oi amore,
    Já vi muitos comentários positivos sobre a Mari Scott e confesso que tenho bastante vontade de ler seus livros, e esse resenhado não é diferente. Mesmo se tratando de livro de época – gênero que eu não curto muito – fiquei bastante curiosa pela leitura e já anotei a dica por aqui!
    Beijokas!

    ResponderExcluir
  10. Olá linda,

    Adorei saber mais dessa obra, porque ainda não conheço nadinha sobre a escrita da Mari, mas pelo jeito ela arrasa num dos meus gêneros favoritos e mais amorzinhos.

    Quero conhecer esse encantos dos Hallinson.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Eu não conhecia essa autora nem suas obras, mas achei bem legal, por incrível que pareça, sua pequena descrição do livro anterior, e não curti muito a história de Noiva Devota, não me chamou atenção, porém vou pesquisar sobre A Montanha da Lua.

    ResponderExcluir
  12. oie
    Que resenha mais legal, adorei. Agora quero saber mais da história.
    Vou comprar o livro.
    ótima dica.
    bjs

    ResponderExcluir
  13. Que coisa mais lindinha! Adorei essa história!
    Eu gosto muito de livros assim e não conhecia a escritora ainda.
    Se bem que eu estou em uma fase que estou lendo apenas os livros da facul.
    Mas vou favoritar a sua página e certamente irei adquirir um exemplar deste livro mais tarde. Amei muita coisa! A resenha está maravilhosa! Grata pela dica!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  14. Oi, Suzana
    Sou doida para ler esses livros da autora, de tanto que falam. Adoro o gênero e acho que também ia amar. Ainda não li o primeiro livro.
    Que bom que amou, a Mari parece que tem uma escrita ótima e uma criatividade para seus personagens.

    ResponderExcluir
  15. Oi, Suzy!
    Adoro suas resenhas, são bem construídas e sua opinião é bem clara, sempre tenho vontade de ler os livros!... Eu tenho A Montanha da Lua no meu kindle, mas ainda não tomei vergonha na cara pra ler. Soube do segundo volume há pouco tempo e agora já estou babando. Não sou chegada em romances de época, mas esse me intrigou! Espero poder ler em breve!

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Eu gosto de romances de época e já li resenhas deste livro e sempre quis ler, acho que vou fazer igual a você e ler em e-book e quanto a imaturidade da personagem talvez se dê até pela época vivida.
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Olá, eu gosto de romances de época e já li Montanha da Lua, então fico curiosa para ler A Noiva Devota e poder continuar acompanhando essa família. Muito boa sua resenha.

    ResponderExcluir
  18. Ah meu Deus! Preciso ler toooodos! É super meu estilo! Já adicionei à minha enorme lista de leitura de 2017! Amei a resenha! Beijos :*

    ResponderExcluir
  19. Olá​,

    Estou com esse livro no meu Kindle e a curiosidade só aumenta. Fiquei sabendo que é uma das melhores histórias da autora e não vejo a hora de ler o antecessor e logo partir para esse.

    ResponderExcluir
  20. Oie!
    Eu adoro romance de época, e vou anotar essa dica para conferir. Ainda não tive a oportunidade de conhecer a narrativa da autora, mas depois da sua resenha, fiquei curiosa.
    bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  21. Olá!

    Não é o gênero que mais gosto, mas a Mari tem um talento incrível para a escrita, então com certeza é uma ótima trama, que bom que a curtiu!

    ResponderExcluir
  22. Oiii!!

    Eu estou animada para fazer a leitura dessa obra!
    Amo o gênero! E tenho certeza a cada resenha que a Mari conseguiu criar um enredo MARAVILHOSO!
    A resenha está linda!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  23. Heiii, tudo bem?
    Amoo romance de época e esse da Mari é dos que mais quero ler.
    A capa ficou perfeita e mal posso esperar pra ter um fisico.
    Adorei saber mais da história, gostei demais da premissa, ainda mais sabendo que tem personagens tao bem desenvolvidos.
    Amei a dica.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  24. Oi Su, sua linda, tudo bem?
    Eu tenho um leque, é sério e fiquei até com vontade de abrir só para acompanhar sua resenha, risos...Eu li em outra resenha desse livro que ele gosta da irmã dela e que por essa situação constrangedora vai acabar casando com ela. É triste ser obrigado a casar sem amor. Mas que lindo que eles pela convivência irão se apaixonar. Acho que vou gostar muito dela, justamente por essa ser quieta, não chamando atenção. Me identifico com a personalidade dela, por ser tímida, não gosto que me notem, risos...Você só aumentou a minha ansiedade para ler a série. Adorei sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  25. Olá,
    Sinceramente eu não curto muito romance de época, já lê alguns e não me apaixonei muito pela leitura. Porem esse parece ser diferente dos que já lê e me despertou uma vontade de conhecer melhor ..

    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  26. Oieee, amo romances de época, e sempre me perco nas histórias, esse me chamou a atenção e espero poder ler em breve, obrigada pela dica!

    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  27. Olá,
    Tive o prazer de conhecer a escrita da Mari através de O cobiçado e desde então estou louca para ler todas as suas outras obras. Gosto muito de romances de época, mas não li nenhum ainda que seja nacional e isso é o que mais me deixa intrigada.
    Sem contar é claro os elogios que ando vendo sobre a obra que me deixam ainda mais curiosa. Espero poder ler em breve e adorei saber que aqui encontramos alguns personagens mais maduros para matar a saudade.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir

Olá! Seu comentário é muito importante!

Todos os posts são escritos com bastante carinho para todos os leitores.

E, sempre que der, vou responder seus comentários.

Obrigada pela visita e volte sempre!

Siga o blog no GFC, Curta nossa Fanpage. Siga no Instagram.

© Entre Livros e Pergaminhos - Desde 2015 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo