Borborema Editora Arwen

Resenha: Borborema - Letícia Godoy

14.6.17Suzana Chaves Linhares



Olá leitores, tudo bem? Ah o passado...Quantas vezes tentamos fugir dele, enterra-lo dentro de um baú? Mas ele teima em voltar e deixa todo seu ser fora de órbita. Pobre Annabel, será ela capaz de enfrentar seus medos e seguir seu destino? Arrume suas malas, tire seus saltos, coloque sapatos confortáveis e vamos juntos viajar para Borborema, de Letícia Godoy.


Todos nós erramos e, quando há o arrependimento verdadeiro, por que não dar uma segunda chance?

Annabel é uma advogada de sucesso, realizada. É também uma mulher fria, que não se prende a laços afetivos e o máximo que se permitia eram encontros casuais, que durava apenas uma noite.

Bel tinha um passado que não queria lembrar, partiu jovem de sua cidade, Siqueira Campos (PR) e foi para capital. Ela morava na próspera Fazenda Borborema: um lugar lindo, cheio de verde, com um belo rio cortando a propriedade. Muitos animais, horta e um grande número de empregados, Bel é a filha mais velha de cinco irmãos: Pedro, Marcela, Diana e Henrique. 

Mas, a vida nem sempre segue os caminhos que escolhemos e Annabel se vê envolvida em uma situação que envolveu toda sua família e seu pai não a perdoou, para ele, a filha mais velha tinha jogado o nome de sua família na lama.

Desolada, ela foi embora daquele lugar que amava. A dor foi transformando-se em rancor ao longo do tempo, aquela moça feliz foi ficando cada vez mais fria e criou em torno de si uma armadura que ninguém poderia entrar.

Nenhum relacionamento pode sobreviver sem a maldita confiança!

16 anos se passam...

Annabel está em sua sala no escritório de Advocacia e ela recebe uma ligação, era de sua cidade natal. Sua família pedia que voltasse à Borborema...Milhões de coisas voltaram em sua mente e aquele passado, aquelas pessoas que ela fez de tudo para esquecer de sua vida, voltaram como a força de uma represa rompida.

Ela não acreditava no que escutara. Era um motivo realmente forte, precisava retornar, Bel sabia o que poderia encontrar pela frente. Como sua família iria recebe-la? O que iria sentir ao voltar aquelas terras? Que emoções aquele retorno iria proporcionar?

Seu retorno para Borborema mexeu com seus alicerces, aquela armadura foi aos poucos caindo e Bel se permitiu  sentir novas emoções. Não apenas em relação à sua família, mas também para o amor. Durante sua estadia na fazenda, várias coisas aconteceram e mal ela sabia que estaria envolvida em uma trama que colocaria sua vida em risco.

Não temos que mudar pelo outro, mas sim nos sentirmos completos com o outro.

Borborema foi aquele livro que deixou saudade ao término da leitura. Não é apenas um romance, é uma história sobre crescimento, sobre descobertas e superações. Annabel saiu de sua casa da pior maneira possível, ao longo da história ficamos sabendo o acontecimento que foi o estopim para tanta mágoa dentro dela. E confesso que fiquei com muita raiva do pai dela, é sério! Fiquei com raiva dos irmãos e da mãe, por não terem tomado uma atitude, por deixa-la sozinha. 

Mesmo triste, ela seguiu em frente, lutou e venceu. Mas sua alma ainda estava machucada, era necessário esse reencontro para feridas serem reabertas e para depois serem curadas. Bel descobriu que, para ser forte, não precisava se transformar em uma pessoa amarga, fria e também percebeu que nem toda paixão se transforma em amor. No momento em que se viu em perigo, em que sua vida estava ameaçada, ela viu quem era seu verdadeiro amor.

Já conhecia a escrita de Letícia Godoy, em Deixe-me Entrar, fiquei apaixonada logo de cara. Mas, Borborema, me arrebatou! Eu senti saudades assim que acabei de terminar o livro, senti falta daquele clima gostoso que a fazenda tinha. Senti falta de Annabel, de sua história e de tudo que a envolvia. Letícia criou uma ambientação tão incrível, que você se sentia no campo, você é levado para dentro da história.

Borborema vai além do romance. Tem dramas familiares, tem a busca por si próprio, tem ação e suspense na medida certa, tem um enredo completo, que encanta e envolve  o leitor desde a primeira página. Annabel é uma personagem forte, que tem sim seus momentos de insegurança (e quem não tem?), mas que consegue superar seus limites. Os personagens secundários são encantadores, suas personalidades são marcantes e todos tem contribuições importantes na história.

Um livro bonito, com uma história incrível, uma ambientação bem construída e personagens apaixonantes. Assim é Borborema.

Até a próxima!


Você Pode Gostar Desses

34 comentários

  1. Gente, fiquei sem fôlego lendo essa resenha. Posso começar a chorar agora?
    Que coisa lindaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!
    Estou encantada, de coração <3
    Obrigada, Suuu!!!!

    ResponderExcluir
  2. Oii tudo bem?
    Amo livros com bons dramas familiares e com um passado muito bem escondido Borborema parece trata realmente disso, já fiquei curiosa para ler o livro.
    Parabéns pela resenha <3

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Gente, quero ler esse livro pelo simples fato de que a personagem principal morava em Siqueira Campos. Eu conheço a cidade, trabalhei na cidade vizinha. Achei demais que ela seja o cenário desse romance.
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oiiiiiieeeeeeeee, sério? Onde você trabalhou????

      Excluir
  4. Que resenha que me deixou ofegante kkkk adorei o lance do romance com suspense e essa ação toda.. Consegui captar a msg e fiquei encantando... Obrigado pela dicaa *-*

    ResponderExcluir
  5. Gêneros que super combinam,Meu deus!!! eu amei essa resenha,ARRASOU NESSA RESENHA,FICOU UM MÁXIMO!!! Me deu muita vontade de ler esse livro que com esse tom de romance com dramas...amei

    ResponderExcluir
  6. ola tudo bem? Quem não deixo uma historia , uma passado para traz.....
    me envolvi na sua resenha , a qual esta otima.
    vou ter que ler esse livro. bjsss sucesso

    ResponderExcluir
  7. Oi Suzana!!
    Que capa mais linda e que história instigante. Adoro esses enredos onde a mocinha vai embora para fugir de algo, mas o passado sempre volta a bater na porta. Já anotei a dica e vou procurar o livro.
    Bjs
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  8. Oie! Eu amo livros que deixam saudade quando terminam, porque são diferentes daquela obra que nós lemos e não acrescenta em nada. Fiquei muito empolgada para conhecer a história da personagem e tudo o que ela irá enfrentar. Sempre tive muita curiosidade em conhecer a escrita da Letícia. As obras dela parecem ser incríveis!

    Beijos, beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá, Suzana!
    Não conhecia o livro, mas a premissa me chamou super a atenção. E ainda tem personagens complexos... logo já me conquistou haha

    Adorei sua resenha e o blog! Já estou seguindo para acompanhar :D

    Abraço!
    Lupi Literatus

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?
    Não conhecia o livro, e nem a autora, mas que capa linda! Além de que a sua resenha está ótima, me deixou super curiosa pra descobrir o que aconteceu com a Bel. Obrigada pela indicação, já está na lista.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. ola tudo bom, o livro parece ser muito bom!! gostei da resenha parece envolver suspense gosto de livros assim, gostei do fato dela ser bem sucedida e o passado é assim mesmo se você não resolve-lo vc nunca vai conseguir ir pra frente.

    -Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem?
    Nossa, não conhecia o livro mas você falou dele de uma forma tão delicada e apaixonante, que dá muita vontade mesmo de ler. Eu sou apaixonada pelo Paraná (meu pai era paranaense) e fico muito feliz quando vejo histórias ambientadas por lá, são bem poucas. Parabéns à autora pela bela história e a você, por essa resenha tão empolgante.
    Bjoooo
    www.blogpapelpapel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Não conheço a escritora ainda, mas gostei muito da sua resenha e da premissa da estoria. Faz o meus estilo de leitura. Sua resenha está maravilhosa, bem construída e sem falar muita coisa da narração o que é ótimo.

    Beijos da Lua!
    Cantinho da Lua

    ResponderExcluir
  14. É sempre bacana quando encontramos histórias sobre crescimento pessoal porque elas nos trazem lições importantes. Que bom que cê gostou do livro a ponto de sentir falta da história. Parece um bom enredo e tem um título bem peculiar.

    ;*

    ResponderExcluir
  15. Ahhh, como tu constrói bem uma resenha! Gostei bastante do seu texto, e o livro me parece interessante. Eu nunca me animei muito com romances, mas um romance com suspense deixa qualquer um com vontade de conhecer! Bjss

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bem?
    Owmm faz um tempo que estou louca para ler esse livro
    A premissa dele é linda, adoro romance principalmente quando ele vai além disso e aborda outros topicos importantes. Dica anotada
    Menina sua resenha está linda, parabéns!

    ResponderExcluir
  17. Adorei sua resenha e como você a escreve, não conhecia o livro e confesso que fiquei interessada em ler ele.

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Gostei do enredo, achei super interessante a sua resenha, deu vontade de ler, gosto dese estilo e vou colocar o livro na minha lista de leitura. Abraços

    ResponderExcluir
  19. Oie amore,

    A capa desse livro tem me chamado muito a atenção viu.
    Adorei a entrada de sua resenha... parabéns pela criatividade!
    Anotei a dica aqui, tanto pelo fato de amar romances, quanto pelos demais assuntos que você falou ai na resenha que tem na história - dramas familiares e etc. Eu curto muito!

    Beijoka!!

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Que resenha mais linda. Eu não conhecia o livro e fiquei bem curiosa depois de ler a sinopse, mas depois da sua resenha eu realmente sinto a necessidade de ler. Parece ser um livro com partes intensas e eu sinto que vou gostar muito da protagonista.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Olá linda, que resenha incrível!!!! Não conhecia ainda esse livro, mas tanto a capa quanto a sinopse me chamaram bastante atenção e depois de ler trechos do livro em destaque essa vontade só aumentou. Me parece ser aquelas historias intensas, eu adoro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Olá, ainda não tive a chance de ler nada da autora, pelos seus comentários esse livro parece ter um enredo bem bacana e uma boa carga de drama, se tiver chance pretendo lê-lo.

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    O que a ilusão de ótica faz com a nossa mente, li diversas vezes "Borboleta" no lugar de "Borborema" hahaha!
    Não conhecia o livro e apesar de parecer clichê, me simpatizei pela historia. Vou esperar o momento certo para me aventurar nesta leitura.
    Abs
    nizete
    Cia do leitor

    ResponderExcluir
  24. Oii
    Eu não conhecia esse livro, mas confesso q e mesmo fugindo de leituras como essa, gosto muito de livros em que a personagem principal cresce como pessoa, evolui e aprende com os acontecimentos. Se tiver oportunidade lerei!
    Vjus

    ResponderExcluir
  25. Esse livro chamou minha atenção desde que o lançamento foi divulgado e agora, lendo sua resenha, fiquei com bastante vontade de ler. Adorei o fato de ir além do romance, gosto de histórias com dramas familiares e curto muito quando personagens secundárias são importantes no enredo.

    ResponderExcluir
  26. Olá!
    Tive o prazer de ler esse livro recentemente e, apesar de ter gostado, não achei tão maravilhoso assim. A protagonista me pareceu imatura em excesso e isso me irritou muito. Entretanto, é um livro completo, com romance, drama, suspense e auto aceitação. Acho que é uma leitura que vale à pena ser feita.
    Beijos

    ResponderExcluir
  27. Oi, tudo bem?
    Mais um livro da editora que não me sinto empolgado a ler ;(
    Não sei o que é. Talvez o tema não é dos mais agradáveis a mim.
    Sua resenha está ótima.

    ResponderExcluir
  28. Olá
    Esse livro esta na minha Wishlist há tempos e depois dessa resenha fiquei ainda mais curiosa.Adoro romances que trazem um draminha para nos deixar preocupados e ansiosos pelo desenrolar da história.
    Beijuh

    ResponderExcluir
  29. Olá, udo bem?
    Tenho muito curiosidade de ler as obras da autora, as capas são bem chamativas e essa está maravilhosa!
    Amei a sua resenha, amo histórias que trazem um pouco de dramas em suas páginas.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  30. Olá,tudo bem?
    Adoro histórias de superação, ainda mais quando tem mulher como protagonista. Nunca li nada da Letícia, mas dizem que ela é uma boa autora! Espero poder ler essa obra. Beijos <3

    ResponderExcluir
  31. Eu não conhecia esse livro ainda mas me interessei muito pela sinopse do livro. Acho que é o tipo de narrativa e enredo que conseguem me prender até o final. Com certeza vou dar uma chance.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  32. Nunca li nada da leticia, mas sempre vejo elogios a obra da autora, conheço ela e a acho super simpática.

    ResponderExcluir
  33. Oi Su, sua linda, tudo bem?
    Eu acho essa capa lindíssima, tem um ar realmente de algo antigo e essa fotografia está muito real. Eu não sei o que aconteceu com ela no passado (você não contou, malvada risos...), mas uma família inteira ficar contra ela? Já vi isso acontecer muitas vezes e não entendo. Às vezes, o silêncio dos outros pode ser muito pior do que a atitude do pai. Achei linda a mensagem da autora. Quero ver as mágoas dessa família sendo curadas e o crescimento de todos os personagens. Adorei sua resenha e a frase que colocou no início dela, realmente, não há como colocar o passado em um baú.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá! Seu comentário é muito importante!

Todos os posts são escritos com bastante carinho para todos os leitores.

Sempre que der, vou responder seus comentários.

Obrigada pela visita e volte sempre!

Siga o blog no GFC, Curta nossa Fanpage. Siga no Instagram.

Visitas

Formulário de contato