6 Meses com a Rainha do Crime A Casa Torta

Resenha: A Casa Torta - Agatha Christie

23.10.17Suzana Chaves Linhares



Olá leitores, tudo bom? Mais uma leitura hiper atrasada do Projeto 6 Meses com a Rainha do Crime. Para o mês de Setembro foi escolhido o livro A Casa Torta, um livro que teve um final bem surpreendente, vem comigo!

Vamos conhecer os Leonides, uma família de posses que tem como pilar o senhor Aristide Leonides, ele criou um império para sua família e assim pode deixar todos com uma vida financeira bem confortável. Mas Aristide é encontrado morto, fora envenenado. Quem poderia ter cometido tal ato?

Charles Hayward, filho do Comissário da Scotland Yard, é apaixonado por Sophia Leonides, neta de Aristides. Eles se conheceram no Egito, Sophia trabalhava no Ministério do Exterior e ele fazia parte do exército. Charles é transferido para o Oriente e então ele percebe que ama Sophia.

Ao retornar para Inglaterra, ambos se encontram e Sophia dá a terrível notícia sobre seu avó. Ela diz que no momento não pode casar, não enquanto o mistério em torno do assassinato de Aristide não fosse resolvido e ela pede ajuda a Charles.

Era um vez um homem torto que andou por uma estrada torta. E achou uma moeda torta junto a uma porteira torta. Ele tinha um gato torto que caçou um rato torto e viveram todos juntos numa casinha torta.

E assim, junto com seu pai e o inspetor-chefe Taverner eles começam a investigação. Todos são suspeitos, mas qual seria a motivação? Já que todos tinham uma boa vida, Leonides sempre foi generoso e cuidadoso com os membros de sua família...Era isso que Charles queria entender e resolver logo todo o mistério, só assim poderia se casar com sua Sophia.




Além de Sophia, moravam na casa:


Edith de Haviland - Cunhada de Aristide
Philip Leonides - Filho mais velho de Aristide, pai de Sophia
Magda Leonides - Esposa de Philip, mãe de Sophia, Josephine e Eustace.
Roger Leonides- Filho caçula de Aristide
Clemency Leonides - Esposa de Roger
Brenda Leonides - Esposa de Aristide, a diferença de idade era enorme!
Laurence Brown - Professor de Josephine e Eustace.
Eustace leonides - neto de Aristide, irmão de Sophia
Josephine Leonides - neta de Aristide, irmã caçula de Sophia. Aspirava ser detetive.


Uma lista bem interessante hein? Todos foram interrogados e cada um tinha um álibi para o que estava fazendo no dia e hora do assassinato. Durante as investigações, um atentado e outro assassinato acontecem, dando uma grande reviravolta no caso.

Quem matou Aristide Leonides?

- Há maldade nesta casa. É isto que há. Eu não queria ver nem acreditar. Mas só vendo para crer.

A Casa Torta tem uma história bem interessante, o modo como Agatha Christie  vai desenvolvendo o enredo é bem diferente das histórias em que aparece o Hercule Poirot. Nesse livro, os três responsáveis pela investigação vão montando o quebra-cabeças de maneiras bem distintas e não trabalham tanto o lado psicológico de cada suspeito.


Há sempre alguém da ninhada que não é "muito certo"

Como sempre Christie dá show nas construções de seus enredos. O início da leitura é bem lento, chega a ser monótono em alguns momentos, mas nada que estrague o desenvolvimento da história. Do meio do livro para o final o livro ganha um ritmo bem intenso, é nesse momento que começamos a desconfiar dos primeiros suspeitos e fazer a lista (sim, faço uma listinha). O final do livro foi ótimo, bem diferente dos outros livros que li da Agatha.  Gostei como o desfecho foi criado e de quem foi o assassino. Você acertou Suzana? O assassino estava sim na minha lista e confesso que duvidei várias vezes que tal personagem fosse capaz de tamanha frieza.

A Casa Torta é um livro com bastante suspense e mistério, fazendo o leitor se deliciar com toda a trama.

Até a próxima! 


Você Pode Gostar Também

23 comentários

  1. Tenho vergonha inclusive de nunca ter lido nada de Agatha... mas vou reverter isso em breve!
    Comprei 4 boxes e vou verificar se tem esse! Mas também se não tiver, sem problemas, o importante é ler! uhahuahua
    Gostei bastante do enredo dessa trama e fiquei bem curiosa com o final.
    Parabéns pela resenha!

    Beijinhos!

    #Ana Souza
    Http://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Oie,
    Sobre ser lento o início, achei A Morte no Nilo tão, mas tão mais lento, que confesso que este nem me incomodou muito.
    Sobre o desfecho eu não acertei, até hoje acho que acertei só um dos muitos livros dela que já li, mas pra mim essa é a graça. hahahaha

    bj

    Debyh - Eu Insisto

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Adoro Agatha Christie, quando estava na escola também fazia listas com os personagens e suas ligações, ajudava muito nas minhas conclusões. Amo livros policiais hoje em dia por causa dela.

    ResponderExcluir
  4. Olá, eu nunca li nada da Agatha, e não tenho vontade nenhuma de ler nada da "Rainha do crime " . Mas gostei da sua resenha

    ResponderExcluir
  5. Oie!

    Guria eu simplesmente não consigo gostar da escrita dessa autora, já tentei ler várias obras dela e nunca nenhuma delas foi para frente, fico feliz que goste das histórias dela, mas eu passo a dica!

    Bjss

    ResponderExcluir
  6. Oiiiii

    Agatha é um eterno pendente na minha lista, morro de vergonha em ter que admitir que nem os livros mais famosos da autora eu ainda consegui ler, tenho O Assassinato no Expresso Oriente na estante pra ler mas não encontro tempo pra começar. A casa torta parece ser bem legal, exatamente o livro típico da Agatha. Quero ler futuramente.

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Doida para ler algum livro da autora, tenho dois em casa, mas ainda não li.
    Que bom que curtiu esse, falam que é um dos melhores. Geralmente começam a ser mais intensos do meio para o final mesmo, né? Obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  8. Apesar de adorar Agatha Christie, ainda não li A Casa Torta... Adorei a sua resenha, bem sucinta e sem revela de mais. Tenho que ler esse livro logo, ainda mais porque está vindo o filme por aí!

    ~ Blog Compulsivamente Literária

    ResponderExcluir
  9. Oie, tudo bem?!? Aghata Chistie é sempre sinônimo de boa leitura né? Gosto muito dos livros dela, uma pena que as adaptações que assisti até hoje não foram tão boas, tenho esperança com esse.
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Já li alguns livros da rainha do crime, mas esse resenhado por vc ainda não. Fiquei curiosa e já adicionei a minha lista de futuras leitura. A forma como os crimes são desvendados em cada livro é muito envolvente, adoro. Impressionante como uma autora pode ser tão genia. Parabéns pela leitura e valeu pela sugestão de leitura.

    ResponderExcluir
  11. Oi Suzana.

    É uma vergonha ter que dizer isso, mas ainda não li nada da Agatha Christie. Sei que a autora dá um show nas suas histórias pelas resenhas que leio. E conhecendo este livro atraves da sua resenha, eu vejo que realmente preciso conhecer a escrita da autora evou mudar isso. Dica anotada, estou bem curiosa por essa história. Parabéns pela resenha.

    Bjos

    ResponderExcluir
  12. Oieee, eu amo esse livro, li há algum tempo, mas tenho na memória a sensação da leitura, o envolvimento com cada personagem, realmente, `{as vezes, tem um ritmo um pouco lento, mas isso não atrapalha ^^

    ResponderExcluir
  13. Oieee, não conhecia o livro, e ainda não li nada da autora apesar de ouvir diversos elogios, gostei bastante da sua resenha, passa bastante da sua experiencia na leitura, obrigada pela dica!

    bjs

    ResponderExcluir
  14. O nome do seu projeto já diz tudo né! A Rainha do Crime! Eu to em falta com ela, só li um livro, O Assassinato no Beco, que é uma coletânea de contos dela, e já achei incrível! Esse é um dos muitos da listinha pra ler.

    ResponderExcluir
  15. Acho que sou a única pessoa da face da terra que não
    gosta de Agatha. Gosto de um enredo investigativo com suspense e mistério mas as narrativas da autora não me cativam.

    ResponderExcluir
  16. Oi, Suzana!
    Sou super fã da Agatha e esse ano também estou dedicada a um projeto de leitura da obra da autora. Já li o livro e amei a história, realmente a autora consegue nos deixar de queixo caído com suas narrativas surpreendentes.

    Beijos,

    Rafa- blog Fascinada por Histórias

    ResponderExcluir
  17. Olá!!
    Eu amo romances policiais e histórias de suspense, por isso a Agatha Christie é uma das minhas autoras preferidas.
    Ainda não tive a oportunidade de ler esse livro em questão, mas pelo que vi através da sua resenha, ele segue bem o padrão diva dela, ne?
    Tambem monto as minhas listinhas de suspeitos, mas tenho que confessar que quando se tratada da Diva, quase nunca acerto! haha

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  18. Olá, tudo bem?
    Já li um livro da Agatha, mas não li Casa Torta ainda, apesar de ter lido inúmeros elogios para esse livro. Achei muito bacana a forma como a trama foi construída e fiquei intrigada para saber o que acontece e como todo esse mistério é resolvido.
    Dica anotadíssima!
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  19. Oi! Eu amo essa autora! É uma das minhas favoritas, pois as histórias dela me prendem do início ao fim, e sempre dá um gostinho de quero mais.
    Ainda não li a obra, mas com certeza lerei um dia. Minha meta de vida é concluir a leitura de todas as obras da Agatha rsrs
    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Fiquei empolgada com a sua resenha! Fiquei bem curiosa para conhecer a história, a premissa me agradou demais e claro que já anotei o nome aqui.
    Obrigada pela dica.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  21. Oi, Suzana! Desde pequena ouço a minha mãe falar de como são bons os livros da Agatha, mas confesso que nunca li um, apesar de gostar de livros do gênero. Adorei a sua resenha! Me passou a ideia de uma história bem empolgante!

    bjs

    ResponderExcluir
  22. Olá, tudo bem? AAAAAAH como minha vontade de conhecer as histórias da Agatha Christie só aumente. Tenho MEGA curiosidade, e sua resenha só me deixou mais atiçada mais ainda. Já quero ler para ontem. Adorei!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Quando eu comecei a ler esse livro já sabia quem era o assassino e acho que isso acabou influenciado um pouco minha opinião sobre ele.
    Mas a história em si bem interessante e concordo com você o começo dele chega a ser monótomo.

    ResponderExcluir

Olá! Seu comentário é muito importante! Todos os posts são escritos com bastante carinho para todos os leitores.

Sempre que der, vou responder seus comentários. Obrigada pela visita e volte sempre!

Siga o blog no GFC, Curta nossa Fanpage. Siga no Instagram.

Publicidade

Visitas

Formulário de contato